domingo, 8 de novembro de 2009

Humano amor de Deus (Pe. Fábio de Melo)

Tens o dom de ver estradas
Onde eu vejo o fim
Me convences quando falas:
Não é bem assim!
Se me esqueço, me recordas
Se não sei, me ensinas.
E se perco a direção
Vens me encontrar

Tens o dom de ouvir segredos
Mesmo se me calo
E se falo me escutas
Queres compreender

Se pela força da distância
Tu te ausentas
Pelo poder que há na saudade
Voltarás!

Quando a solidão doeu em mim
Quando o meu passado não passou por mim
Quando eu não soube compreender a vida
Tu vieste compreender por mim

Quando os meus olhos não podiam ver
Tua mão segura me ajudou a andar
Quando eu não tinha mais amor no peito
Teu amor me ajudou a amar

Quando os meus sonhos vi desmoronar
Me trouxeste outros pra recomeçar
Quando me esqueci que era alguém na vida
Teu amor veio me relembrar

Que Deus me ama
Que não estou só
Que Deus cuida de mim
Quando fala pela tua voz
E me diz: coragem!


Vall,
SER mais uma vez contigo, durante esses dias, fez-me perceber que o tempo pode até passar e a distância até pode separar as presenças, mas o sentimento que une as essências não desvanece nem morre.
Pus aqui essa música que nos une, porque após te deixar em prantos, a vontade que me deu foi de cantá-la para ti...para que tu lembres que se não sou fruto do teu ventre, sou-o de tua alma consagrada.

Amo-te, minha amiga, irmã e... por que não mãe?

Um comentário:

Intensidade disse...

Vivi,
Vc quer me matar, né?rsrsrs.
Nem sei o que dizer diante de tantas coisas vividas e sentidas...
Suas palavras tocaram "como sempre" minha alma...vc sbe como fazer isso, né!!!rsrsr.
Vc é um gde presente de Deus em minha vida....vc não tem noção o qto foi difícil me despedir de você aquele dia!!!!Mas,eu sei que em breve nos veremos!!!
Obg por TUDO e principalmente por seu amor que me deixa livre!!!!
Amo-te!
Vall